FANDOM


Lupa Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa

Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo.

Otaku é um termo japones que se refere a alguem muito vicido a alguma coisa, seja a bonecos ou a pornografia. E alem disso, diferente daqui do brasil, no japão o termo é um chingamento.

OrigemEditar

Com o crescente sucesso dos animes surgiu uma comunidade de fãs, tanto no Japão quanto fora dele, que se tornaram conhecidos com otakus e otomes. O próprio termo é alvo de discussões, pois no Japão o verbete possui conotação pejorativa. Muitos dos espectadores de anime não se consideram otakus preferindo fugir do rótulo controverso.

O estilo dos animes já influencia a cultura ocidental e está presente também além destes. Por exemplo, a grife Cavalera já lançou uma coleção com alguns personagens clássicos, influências orientais e até mesmo citações de yaoi. A banda Daft Punk tem o filme Interstella 5555: The 5tory of the 5ecret 5tar 5ystem, que foi produzido por Leiji Matsumoto e Kazuhisa Takenôchi, animadores profissionais do Japão (que já fizeram animes como Digimon e Sailor Moon) e é feito inteiramente em traços orientais. Os Linkin Park também já fizeram referência a clássicos da animação japonesa como Gundam, além de no seu video clipe de Breaking The Habit todo ele foi realizado usando a tecnica do anime. Madonna se arriscou na turnê Drowned World Tour e criou um bloco inteiro dedicado ao mundo oriental. Em uma das canções são mostrados alguns animes hentais (picantes) nos telões do megashow de 2001 da popstar. Além disso, em seu mais novo clip, Jump (situado em Tóquio), a cantora ainda parece se fantasiar de Mello, personagem de Death Note. O Gorillaz foi outra banda que utilizou animes em seus clipes. Embarcando na onda do oriente, está também a Britney Spears, com o seu mais novo clip Break the Ice, todo produzido no estilo anime.

Atualmente,os animês e Mangás mais lidos e assistidos pelos fãns de todos os mundos, são a obra de Masashi Kishimoto, Naruto. E também,pelo outro lado temos também a obra de Tite Kubo, Bleach. Visto que Bleach ganhou o título de melhor animê em 2.006, mas teve um pequeno intervalo sobre a obra Naruto,visto que o animê começou a ser produzido em 2.002,mas por problemas por falta de material recolhido pelo autor,Masashi Kishimoto teve que parar a sua obra.Antes desse problema acontecer o autor tinha produzido 41 episódios do anime e 2 volumes do manga de sua obra,enquanto Tite Kubo,tinha produzido 59 episodios do anime e 4 volumes do manga.Masashi Kishimoto retornou seu anime/manga no final de 2.006,porém Tite Kubo teve seu anime premiado como o melhor do mundo nesse ano.Mas Masashi Kishimoto não foi o unico que parou de executar temporariamente sua obra,Tite Kubo teve que parar também,mas por outro motivo,ele também escrevia outro manga,Zombie Powder,mas Tite Kubo viu que seu manga não teve muita audiência como Bleach teve,por isso,a obra de masashi Kishimoto,Naruto,ultrapassou Bleach na quantidade de episódios.

Atualmente no Japão,os animes mais assistidos pelos fãns,são Bleach,Fullmetal Alchemist,Naruto,One Piece,Pokemon e Soul Eater.

Tipos de OtakuEditar

Com a popularização da palavra, no japão foram se criando varios grupos formados por Otakus. Como a lista de grupos de extensa (tem até Otaku que gosta de Barbie) so é possivel citar alguns mais famosos. Entre eles estão:

  • anime otaku (animação japonesa)
  • manga otaku (histórias em quadrinhos)
  • pasokon otaku (computadores)
  • gēmu otaku (videogames)
  • tetsudō otaku (miniaturas, como trens de brinquedo)
  • gunji otaku (armas e coisas militares)
  • auto otaku ou jidosha otaku (carros, em especial os kei-jidosha e demais modelos destinados ao mercado interno japonês)


Animes famosos que se baseiam em OtakuEditar

  • Otaku no Video - Animê sobre a cultura otaku no Japão;
  • Welcome to The NHK! - Animê que retrata de forma satírica e dramática a vida de seus dois protagonistas: um hikikomori e um otaku lolicon, e as tentativas de uma vizinha de reabilitá-los novamente para o convívio social;
  • Densha Otoko - Originalmente uma lenda urbana que rondava o maior fórum de discussões do Japão, acabou sendo compilada em livro como uma comédia romântica de enorme sucesso, o que gerou um filme, um mangá e uma novela sobre essa história. Conta a história de um otaku que, para conquistar uma garota que ajudou no metrô, aprende a se socializar e abandonar seus trejeitos de otaku.

Ligações ExternasEditar